Avon reporta queda de 3% em sua receita neste trimestre

A Avon anunciou seus resultados para o trimestre encerrado em 30 de junho de 2018.

A receita total caiu 3%.  Os representantes ativos diminuíram 4%, impulsionados por quedas  na América Latina, principalmente no Brasil por conta da greve dos caminhoneiros.

“Entrando no meu sétimo mês na Avon, sinto-me encorajado pelo crescimento da receita ter melhorado em três dos nossos cinco principais mercados e pelas tendências promissoras que estamos observando na maior parte do restante de nossos negócios”, disse o CEO da Avon, Jan Zijderveld. “Isso é sustentado por nossa melhoria na qualidade do serviço e nas eficiências operacionais e, por sua vez, refletido em nossa maior margem operacional. No entanto, ainda não estamos satisfeitos com os resultados operacionais gerais do trimestre. ”

Regionalmente, os resultados da receita foram:

  • Europa, Oriente Médio e África: alta de 1%, ou relativamente inalterada em dólares
  • América Latina: queda de 8%, ou até 3% em dólares, ambos incluindo um benefício de aproximadamente 5% devido ao impacto da adoção do novo padrão de reconhecimento de receita.
  • Ásia-Pacífico: queda de 1%, ou até 1% em dólares constantes, ambos incluindo um benefício de aproximadamente 1%, devido ao impacto da adoção do novo padrão de reconhecimento de receita.

Para ler o relatório completo do Avon clique Aqui .

Deixe sua opinião