Entrevista com Leonardo Araujo, CEO da DD Corporation que abre o jogo

A Sucesso Network entrevistou o fundador e CEO da DD Corporation para saber os reais motivos que o levaram a sair do MMN e como ficará a situação da rede e pagamentos.

Na entrevista Leonardo Araujo, fala sobre as dificuldades que encontrou e o que fez para se tornar a maior empresa de MMN digital do MMN da América latina.

Com a palavra, Leonardo Araujo…

 

Você construiu uma empresa que bateu recordes. Você imaginava isso?

Eu não imaginava exatamente como foi, mas tenho uma crença muito forte de que tudo que a gente faz com muita garra, determinação, empenha amor naquilo, tende a dar certo.

A DD Corporation não iniciou com um propósito de ser uma empresa dentro do mercado do multinível, não era essa minha visão no primeiro momento.

No início a minha visão era ser apenas uma escola, como é hoje após a saída do multinível. Uma escola de educação em criptomoedas, que leva oportunidades para o maior número de pessoas.

Após eu ter feito um curso do Erico Rocha no passado, eu tomei a decisão de vender conteúdo online, vender cursos online e o primeiro momento era produzir o curso para vender dentro do “Hotmart” e criar uma plataforma semelhante.

Um dos nossos contatos nos recomendou o modelo do multinível e eu acabei me deixando ser atraído pelo modelo, porque eu já tinha sucesso no MMN no passado.

Foi por isso que decidi colocar a empresa nesse segmento.

No momento que eu tomei essa decisão, como tudo na vida, que eu decido fazer, eu faço com meu 101%, eu fiz dia e noite sem descansar, sem dormir direito.

Me empenhei em não ter a maior empresa do multinível do mundo, muito pelo contrário, eu me empenhei em fazer as pessoas terem resultado. Mu me empenhei em transformar vidas, em poder dar o meu máximo para ver um pai de família ter a sua vida transformada.

Foi isso que aconteceu! Eu acho que não cabe muito a mim ficar falando isso, mas você pode perguntar a qualquer pessoas que fez a DD Corporation durante esses 2 anos que nós permanecemos no multinível, e terá certeza que qualquer pessoa que fez da mesma forma que eu estou dizendo que eu fiz a empresa, com amor, dedicação e foco tiveram resultados extraordinários e muito acima da média e por ventura, estão até hoje colhendo frutos desses resultados.

 

Que recordes foram batidos?

O mercado diz que nós batemos diversos recordes. Eu fiz um trabalho muito diferente. Não fiquei acompanhando o que os concorrentes fizeram para poder fazer o meu trabalho e tentar fazer melhor. Muito pelo contrário; fiz apenas o meu trabalho.

Dizem fizemos a convenção do mercado digital mais bonita e mais bem organizada que o Brasil já viu; que nós tivemos a maior quantidade de entregas; de premiações possíveis; os líderes mais bem pagos do mercado; que nós ajudamos a criar líderes fenomenais como Gabriel Rodrigues, Neto Rebello, André Porto, Elvis Venk, Henrique Cunha, entre tantos outros, que não eram conhecidos e não tinham seu nome em nenhum negócio; líderes que vieram do nada , tentaram multinível no passado e não tiveram sucesso, e na DD  conseguiram ter sucesso e fincaram seu nome no mercado no Marketing Multinível. Isso é muito bacana!

A gente costuma ver muitas empresas vindo para o mercado e comprando líderes, ou trazendo lideres prontos; líderes com 10/15 anos de mercado, líderes que já sabem como a roda funciona. Difícil é fazer o que nós fizemos: sair do zero com pessoas que saíram do zero, que estavam quebradas e hoje não só tem sucesso, mas desfrutam de uma vida extraordinária.

Nós conseguimos fazer pessoas comuns, sem informações acadêmicas, sem preparação, ter sucesso nesse mercado, apenas por colocar o amor no coração das pessoas, por colocar vontade no coração das pessoas de querer fazer o maior número de pessoas possíveis, vencerem. E foi esse nosso trabalho dia e noite para conseguirmos chegar onde chegamos, e para conseguir quebrar recordes.

Na minha opinião nós construímos um novo momento no mercado multinível do mundo, mesmo que as pessoas estejam querendo destruir esse momento, através de legislações arcaicas, através de falácias ditas ao mercado, tentando assustar os líderes do mercado digital.

Nós da DD Corporation criamos um momento e tivemos que parar, não por decisão própria, mas devido a todas as falácias, devido a outros problemas que nós tivemos.

 

Como explica o sucesso DD?

Acredito que era da mesma forma que eu treinava meus líderes e falava para todos eles que para eles terem sucesso bastava uma coisa: não olhar para as pessoas como cifrões.

O sucesso da DD Corporation se deu pelo fato de que nós não olhávamos para as pessoas como cifrões, muito pelo contrário, pessoas são pessoas e merecem ser tratadas como pessoas, então em momento nenhum esse negócio foi feito pensando apenas no ponto de vista financeiro. Nós pensamos sempre, em primeiro lugar nas pessoas, em ajuda-las. Dinheiro é consequência.

E todos os nosso lideres partiam dessa filosofia, e puderem mudar e impactar o maior número de vidas pelo fato de que eles olhavam para as pessoas pensando nas pessoas e querendo ajudar essas pessoas, e não olhavam para essas pessoas como cifrões.

E por conta disso nós conseguimos impactar o maior número de homens e mulheres no Brasil.

Nós ajudamos milhares de pessoas que estavam passando dificuldade, que outra hora não tinham o pão na mesa. Então em 2018 e 2019 a DD, levou o pão a mesa da casa do trabalhador, levou esperança aos olhos de um trabalhador, de um pai de família de que ele poderia vencer, e dessa forma justifico o sucesso da DD Corporation.

Esperança nos olhos de um pai de família que por outra hora não esperava conquistar seus objetivos e através da nossa ferramenta ele pôde ver pessoas conquistando seus objetivos, e como as pessoas precisam as vezes ver para crer, conseguiram acreditar em si mesmo e ir lá e conseguir vencer.

Quais os desafios que teve que superar?

Inúmeros: legislação arcaica, falácias do mercado, concorrentes tentando nos atacar, inclusive não foram poucas as mensagens de áudios de donos de empresas concorrentes de segmento de produtos, atacando nosso modelo de negócio, muitas das vezes financiando blogs para falar mal do nosso negócio, para descredibilizar a nossa imagem, então a todo momento nós sofremos esse bombardeio, mas nada isso teria nos parado.

Decidi encerrar as atividades no multinível porque percebi que eu não poderia confiar na empresa de tecnologia que estava administrando nosso negócio.

O coração financeiro de empresa de multinível está no seu TI, se você não confia no seu TI você não tem mais nada. É o mesmo que eu falar que um banco que administra o dinheiro de milhares de pessoas está sofrendo problemas de TI e o dinheiro das contas estão sendo desviados, ninguém mais vai confiar nesse banco e naturalmente as pessoas vão tirar o dinheiro dele e naturalmente esse banco vai ruir ou ter prejuízos. Achei mais inteligente parar toda a operação, mesmo que estivéssemos no auge.

Nós estávamos ali no maior momento da empresa, pós convenção, pós Cancun, pós entregar todos os prêmios, e eu decidi parar toda operação para poder auditar, analisar, dar um passo para trás para que, por ventura num futuro bem próximo, nós pudéssemos dar dois, três passos à frente. Então eu achei mais sensato enquanto gestor fazer isso.

 

Muita gente torceu contra e tentou te prejudicar? Fale sobre isso.

Muita gente torceu contra a gente via uma guerra acontecendo entre o mercado de marketing multinível digital e o marketing multinível de produto; uma empresa atacando a outra; um líder atacando o outro, e isso me deixava muito triste porque as pessoas com suas crenças limitantes, deixavam isso transparecer prejudicando a empresa. Os concorrentes de produtos financiaram blogs para poder falar mal…

Então muita gente torceu contra, mas ninguém pode falar nada após ter visto o sucesso que a DD Corporation foi. A DD Corporation provou e quebrou todas as barreiras do mercado digital fazendo pessoas comuns serem bem sucedidas e isso eu tenho dentro de mim, como uma sensação de missão cumprida.

 

Você pegou o mercado de surpresa ao sair do MMN. O que realmente houve?

Fui pego de surpresa quando percebi que não podia mais confiar no meu TI. A gente tentou ali naquele momento pagar para uma segunda empresa fazer um sistema de multinível, mas isso não ficaria pronto a tempo, e nós estávamos tendo inúmeras fraudes, como pagamentos duplicados, bônus pagos triplicados, saques pagos duplicados. Uma avalanche de clientes reclamando.

 

Você acabou não fazendo pagamentos para a rede e muitos dizem que isso é história. O que você fala sobre isso?

Não, muito pelo contrário. Todos os pagamentos foram honrados, entretanto ali durante um período do mês de Dezembro nós tivemos alguns indícios de fraudes no sistema, e tivemos que fazer alguns ajustes imediatos, como por exemplo bloquear transferência entre croosslines para poder evitar que qualquer tipo de saldo fraudado pudesse ser comercializado entre rede crosslines e a gente pudesse conter isso imediatamente e congelar todo saldo existente nos escritórios virtuais, mas durante apenas o período de 2 semanas.

Dentro dos 2 anos de operação, nós nunca tivemos nenhum problema, nós nunca precisamos congelar valores disponíveis, um procedimento comum por toda empresa que atua no mercado financeiro.

Grandes bancos já fizeram isso. A maior corretora de criptomoedas do mundo já teve que congelar seus pagamentos e congelar as retiradas ali durante 3 a 4 semanas para poder conter uma fraude.

Qualquer empresa financeira precisa fazer ajustes e esse foi o ajuste que nós precisamos fazer naquele momento, mas que rapidamente foi corrigido e nós seguimos pagando os nossos saques pelas duas semanas seguintes normalmente, inclusive antecipamos, para provar ao mercado que não se tratava de falta de caixa, e sim muito pelo contrário, se tratava na falta de confiança na empresa de tecnologia que fazia nossa gestão.

E no momento que nós fizemos esses pagamentos, após o último pagamento, ainda durante o meado de Dezembro nós decidimos imediatamente tirar o sistema do ar, e romper com a nossa empresa de tecnologia, onde pegamos o banco de dados para fazer a auditoria, solicitar os documentos dos nossos clientes e seguir pagando os mesmos, dentro de uma nova plataforma já auditada e já segura, a partir do dia 10 de Fevereiro.

 

O que você fará com a DD depois de pagar todo mundo?

Eu vou ser muito sincero. Não sei se que quero seguir com a DD dentro do MMN. Eu acho que eu tenho muito mais a contribuir com esse mercado depois de muito desgaste.

Nos bastidores as coisas foram um pouco diferentes do que todo o sucesso da DD Corporation.

Eu tive sucesso profissional em todos os aspectos, eu mudei e impactei vidas, eu levei o pão a casa do pai de família, eu levei esperança e oportunidade para ele, mas nos bastidores a minha família já estava ruindo, eu não tinha tempo para minha esposa, passamos por diversas dificuldades, meu casamento quase terminou, dificuldades familiares imensas; tive familiares doentes inclusive eu fiquei doentes diversas vezes.

Não foram poucas as vezes que os lideres me viram subir tomando antibióticos e remédios fortíssimos para poder fazer uma palestra.

Só em São Paulo, as últimas 4 vezes pelo menos que estive presente eu estava na base de antibióticos, porque a minha saúde estava debilitada, e ainda assim eu estava insistindo em cumprir a minha missão, sem desmarcar eventos por motivo de saúde.

Então, não sei se devo continuar no mercado do multinível como CEO ou como dono de uma empresa, mas eu acho que eu tenho mais a contribuir com a minha experiência, então por isso que nós decidimos seguir no mercado da consultoria, para que a gente possa contribuir com os empreendedores que, por ventura, são corajosos a ponto de entrar no mercado no modelo de marketing multinível.

 

Então você está aberto a empresas e empresários para fazer consultoria.

Sim. Tenho muito a contribuir com a experiência que vivi, afinal, foram mais de 220 mil empreendedores em dois anos.

 

Como a empresa encarou os inquéritos no Ministério Público e na CVM?

No primeiro momento nós ficamos um pouco assustados, mas depois de conversar com nosso jurídico, ficamos extremante calmos porque percebemos que os inquéritos não partiram do Ministério Público Federal, e nem tão pouco da CVM.

Foram apenas denúncias anônimas, infundadas feitas aos devidos órgãos e que por lei, os mesmos tem que apurar; do contrário eles estariam fugindo da lei.

Nós descobrimos tempos depois, um dos denunciantes, que inclusive nos procurou e pediu desculpas. Estamos extremamente tranquilos com relação aos processos que correm juntos aos órgãos.

 

Quais serão os planos profissionais do Leonardo agora?

No primeiro momento, eu não tenho tanta cabeça para pensar nisso. Apesar que eu já avisei ao mercado que eu estou consolidado enquanto consultor de empresa de multinível. Já fui contratado por três empresas, que por questão de ética não vou citar os nomes, mas uma delas é europeia e duas delas são brasileiras.

Empresas que querem iniciar dentro do modelo do multinível e contratam a minha consultoria, o meu tempo para poder estar ali disponível respondendo duvidas e contribuindo com minha experiência no modelo de multinível digital.

E uma consultoria minha tem valor, afinal, durante dois anos estive a frente da maior empresa de MKT digital em MMN da América Latina.

Eu acredito que a experiência é algo que vale a pena comprar para que você não cometa os mesmo erros, então estarei me posicionando no mercado como consultor de empresas, para poder ajudar todo e qualquer empreendedor que queira iniciar nesse mercado, que queira empreender nesse segmento.

Quem quiser me contatar para contratar minha consultoria, pode me chamar no Instagram, ou no meu site que em breve entrará no ar: leonardoaraujo.com.br

 

Muita gente diz que você montou uma nova empresa para suceder a DD. É verdade?

Não é verdade. O que aconteceu, foi que um blog que não vou citar o nome, inventou isso, logo que comuniquei a saída do MMN. Os líderes começaram a questionar com que negócio eles poderiam trabalhar, e eu cheguei em um deles e comentei que a minha empresa de consultoria já havia sido contratada por uma empresa europeia, e ali naquele momento eu acreditei na visão da pessoa que estava por trás e falei com um dos nossos líderes que possivelmente seria um bom negócio para ele poder encabeçar em 2020 e nos anos seguintes, então se saiu algum tipo de falácia no mercado, eu nego aqui nessa entrevista, que eu não sou mais corporativo e dono de nenhuma empresa de multinível.

Eu estou me posicionado como consultor de algumas empresas do mercado para poder colaborar com a minha gestão, com os meus conselhos, com a minha história e com a minha bagagem. E acredito que eu possa colaborar muito com qualquer empresa que queira encabeçar, empreender dentro desse segmento.

E para os nosso lideres eu dei a sugestão de alguns negócios. Alguns seguiram para marketing multinível de produtos e outros seguiram para o marketing multinível digital. Outros estão querendo abrir seu próprio negócio e alguns inclusive, querem minha consultoria.

 

Mande um recado para sua rede.

Um recado para minha rede é que eles podem ficar tranquilos, porque do lado de cá, existe gestão do negócio, mesmo que não estejamos mais no multinível. Sou homem de palavra, que honra todo e qualquer compromisso e pagamento que por seja cabível de fazer.

Então toda rede pode ficar tranquila, a auditoria está sendo feita, logo em seguida será finalizada, e nós seguiremos honrando com todos os nossos contratos, com todos os nossos clientes.

Em momento nenhum deixaremos de honrar a nenhum cliente. Como eu disse, dei um passo atrás, para dar 2 ou 3 passos à frente.

Todos os nossos clientes podem contar conosco para o que precisar, e estarei sempre a inteira disposição.

 

Uma mensagem final?

Uma mensagem final é que eu desejo sucesso a todo e qualquer empreendedor da network marketing, independente do negócio que você fizer, independente do modelo da tua empresa, eu te desejo sucesso.

Porque se você por ventura escolheu esse segmento, é porque você está alinhado com o propósito de ajudar pessoas, conquistar o seu sucesso. Mas o seu sucesso virá depois de ajudar pessoas, porque quando família forem ajudadas, quando você conseguir gerar oportunidades em meio a toda essa crise, em meio a todo esse caos, aí sim você mudará a sua história, a sua vida.

Então eu desejo sucesso a todos os empreendedores. Eu desejo um abraço a toda equipe da Sucesso Network, a toda equipe da Abranetwork, em especial ao Claudio di Lucca, que eu consegui ter como amigo pessoal durante esse período, e eu gosto muito do trabalho que ele vem fazendo, moralizando o mercado do Marketing Multinível.

Esse foi o trabalho que a DD Corporation fez durante todo o tempo que esteve no mercado, o trabalho de moralizar o mercado e saibam que vocês podem contar comigo para o que precisar para poder moralizar uma vez por todas esse mercado e acabar de vez com toda pilantragem que existe dentro desse mercado.

Deixe sua opinião