Especialistas em Bitcoin afirmam que nova alta está chegando

Após um longo período de estabilidade e baixa de 30% no valor do Bitcoin, a primeira criptomoeda voltou a subir, ultrapassando o nível de preço de US$ 11.300, algumas pessoas chegaram a afirmar que o tempo de alta lucratividade do Bitcoin já teria passado, porém, a Criptomoeda pode estar prestes a superar uma valorização de 153% no mercado financeiro.

Analistas do Twitter, afirmam que a moeda virtual BTC está mais forte do que nunca, Neste momento, o Bitcoin está sendo negociado por volta de US$ 11.367, com um aumento intradiário de mais de 13%.

De acordo o analista e usuário do Twitter, The Cryptomist, o Bitcoin está atualmente em um canal de baixa, mas em uma formação otimista que vai lentamente em direção a um ponto de ruptura de resistência.

O analista sugeriu que o ano de 2019, será o ano de grande alta do Bitcoin, e incentivou a todas as pessoas para que busquem o conhecimento sobre a Criptomoeda, pois o BTC pode simplesmente te deixar MILIONÁRIO neste ano.

Outros analistas da Criptomoeda também se pronunciaram sobre o Bitcoin em suas redes, CryptoMichael afirma que o BTC está atingindo níveis cruciais, perto do topo da linha de tendência de baixa, e com resistência em torno do nível de Fibonacci de 0,618.

C.Michael também destacou que, se o Bitcoin se consolidar aqui, a tendência poderia ser quebrada e o Bitcoin poderia continuar em alta, mas se não, poderíamos ver uma repetição da recente desvalorização.

Peter Brandt, analista de Cripto especializado em BTC, sugeriu com ênfase que a Criptomoeda está de volta aos trilhos, que levará investidores e compradores ao sucesso, ele observou a correção de 30%, afirmando que foi relativamente leve em comparação com as correções anteriores durante a última grande alta em 2015 -2017.

Ainda falando sobre BTC, é interessante lembrar que ilegalidade envolvendo a moeda virtual é rara, na verdade, praticamente improvável com menos de 1% de chance, segundo estudos do mercado do cenário financeiro.

Segundo o site de notícias Bloomberg, citando uma análise da Chainalysis, a atividade ilegal representa menos de 1% de todas as negociações de Bitcoin neste ano, em comparação com 7% em 2012.

O estudo foi baseado em dados anteriores de outra pesquisa realizada pela Chainalysis em maio de 2019, os números apresentam dados de vinte prestadores de serviços comerciais e mostram que, em janeiro de 2019, mais de 32.300 BTC foram gastos, ou seja, 47% a mais do que em janeiro de 2018.

A Chainalysis afirma, que haverá um grande impacto na indústria de criptomoedas, a orientação do GAFI representa o primeiro passo para a clareza regulatória global.

O guia regulamentar formalizará as melhores práticas da ABC – CFT e ajudará o setor de criptomoedas a amadurecer e alcançar uma projeção mais ampla.

Deixe sua opinião