Minerworld e seus planos de expansão

Com planos ousados de expansão, empresa de MMN promete facilitar o comércio com bitcoins no Brasil e no mundo

A Minerworld recentemente enfrentou alguns desafios. Depois de ter investido milhões de dólares em equipamentos, TI, Infra Estrutura e mineração, a empresa teve de lidar com situações delicadas, que poucas organizações conseguem encarar com sabedoria e determinação.

Por ser uma empresa de serviço, fundamentada em criptomoedas, seu desafio é ainda maior. A Minerworld vem provando a cada dia que trabalha com uma preocupação constante: melhorar seus serviços para satisfazer todas as expectativas do consumidor e trabalhar a comunicação com todos seus associados da melhor maneira possível.

A empresa segue firme com o planejamento arrojado de se tornar uma das maiores mineradoras do mundo até 2020. “Não temos receio de reconhecer as situações difíceis que passamos ao longo de nossos dois anos de história até aqui.

Temos a convicção de que nossos clientes confiam em nossa competência naquilo que nos propomos a fazer por eles. Temos orgulho em saber que é por causa dessa confiança que estamos conquistando o mercado de moedas digitais”, afirma Jonhnes Carvalho, CEO da Minerworld.

Com um novo plano de expansão, a empresa acabou de lançar um novo site com um sistema muito mais moderno e ágil, e trouxe ainda o MCash, a primeira moeda descentralizada do MMN mundial.

Criada em protocolo ERC-20 (EthereumToken Standard) e distribuída via Marketing Multinível da Minerworld, todos os registros são feitos em blockchain, e o limite de emissão do MCash será de 1 bilhão de tokens.

Além disso, a empresa agora também oferece o Bitofertas, maior aplicativo para venda por meio de bitcoins para estabelecimentos do Brasil. A ferramenta já conta com mais de 20 mil clientes, sendo mais de 3 mil lojas trabalhando com a moeda em menos de 6 meses.

As novidades fazem parte da ampliação das atividades da companhia, e de um modelo de negócio que busca estar cada vez mais próximo dos colaboradores e parceiros.

O maior objetivo da Minerworld é transformar vidas por meio do marketing de relacionamento, fortalecer o livre comércio por meio das moedas digitais e utilizar as novas tecnologias a favor da sociedade.

Fundada em 2015 em Campo Grande (MS), a Minerworld é uma gigante de mineração de moedas digitais que tem o coração brasileiro e o espírito global.

Presente em mais de 50 países, a companhia está à frente de uma revolução digital, em um caminho sem volta no que se refere às tendências tecnológicas, e possui parques de mineração de Bitcoins em Hernandarias, no Paraguai, e até na China.

E para fechar 2017 com chave de ouro, a empresa que realizou grandes eventos em Florianópolis, São Paulo e Rio de Janeiro, sediará em Campo Grande, o Minerworld Open, o maior evento sobre moedas digitais e marketing multinível do Brasil do país.

O evento, que acontece no próximo domingo (17), será realizado no Diamond Hall, a partir das 16 horas, e deverá ter duração de 3 horas.

 

 

 

 

Deixe sua opinião