Mais uma pirâmide lesa mais de 10 mil pessoas

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

A Univerbit, que já foi denunciada aqui no portal, conseguiu aplicar seu golpe em mais de 10 mil pessoas.

O mentor do esquema, se chama Romario Marcelo Cunha, que usava o nome falso de Carlos Fortuna.

Romário Marcelo ao que parece, é um estelionatário, que montou uma quadrilha, usando contas laranjas, para fazer pagamentos, de gente que nem sabia que tinha os dados sendo usados.

Áudio vazado, pelas redes sociais, explica que a Univerbit foi comprada pela Bankon (plataforma de pagamento), e que esta estaria fraudando a contas dos empreendedores e investidores.

Investigação em andamento, identificou que ele mora em São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, mas usava telefone com prefixo 67, de Campo Grande (MS).

Não se sabe ainda o tamanho do roubo, mas a investigação está sendo realizada e líderes do negócio, estão coletando o maior número possível de informações e documentos para juntada a Delegacia.

Um grande grupo de pessoas lesadas, estão entrando com uma ação coletiva. Somente um grupo no Telegram, possui mais de 800 pessoas.

Em vídeo divulgado, Romário Marcelo que já foi distribuidor da SCI, aparece entrevistando um executivo da empresa.

Se você também foi roubado e quer entrar na ação coletiva CLIQUE AQUI

Veja também